Ir para conteúdo principal

Evento realizado pelo TRT-2 e PUC-SP ganha repercussão internacional

Evento realizado pelo TRT-2 e PUC-SP ganha repercussão internacional

Ao contar com a participação de 54 juristas, parte deles advinda de universidades de países como Espanha, França e Portugal, a Jornada PUC-SP Brasil – Europa: Capitalismo Humanista, Mercado e Consumo, realizada nos dias 27, 28 e 29 de setembro.

 

De iniciativa do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região – por meio de sua Escola Judicial –, em parceria com a Pontifícia Universidade Católica, Escola Superior do Ministério Público, Associação Paulista do Ministério Público e Associação Paulista da Magistratura, o evento propiciou discussões sobre temas ligados ao capitalismo humanista, dignidade da pessoa humana e valores sociais do trabalho.

 

Titular da Université Montpellier, na França, o professor Henri Temple, que, na ocasião, palestrou sobre o tema Responsabilidade, Consumo e Humanismo, encaminhou carta de agradecimento, ressaltando sua satisfação em ter participado das discussões. “O Brasil tem um papel importante a desempenhar no difícil mundo do século XXI, cujo projeto de sociedade precisa ser inventado, diante da falência moral, mas também social e econômica, do sistema financeiro anglo-saxão”, afirmou em carta. (Veja a íntegra do documento)

 

Em resposta à mensagem do professor Henri Temple, o presidente do TRT-2, desembargador Nelson Nazar, esboçou em correspondência: “Quero dizer que sua presença no evento, que envolveu a jurisdição e a Universidade Católica, qualificou as idéias que expressamos. Concordo com o prezado Professor que a cooperação deve ter seguimento e, de nossa parte, prosseguiremos neste contato inaugurado pelo Eminente Professor”.

 

Academia Paulista de Letras Jurídicas presta homenagem ao presidente do TRT-2

 

Em sessão ordinária realizada no último dia 04 na Academia Paulista de Letras Jurídicas (APLJ), foi prestada uma homenagem ao presidente do TRT da 2ª Região, desembargador Nelson Nazar, que é decano de direito econômico da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP).

 

A sessão foi conduzida por Ruy Martins Altenfelder Silva e pelo ministro Ives Gandra da Silva Martins Filho, respectivamente presidente e chanceler da Academia Paulista de Letras Jurídicas.

 

O nome do desembargador Nelson Nazar, vice-presidente da APLJ, foi lembrado por ocasião da homenagem feita ao magistrado na Jornada PUC-SP Brasil-Europa, iniciativa que marcou a aliança entre o TRT da 2ª Região e a PUC-SP. O evento, que teve como tema central o capitalismo humanista, foi realizado nos dias 27, 28 e 29 de setembro, com a participação de 54 juristas, inclusive vindos de outros países.

 

Em sua homenagem ao desembargador Nazar, a academia destacou a sua importância no cenário do magistério jurídico paulista e nacional.

 

Acompanhe a reportagem sobre a Jornada PUC-SP Brasil-Europa.

 

[youtube]shg5hAiBHys[/youtube]

 

........................................................................................

 

 

São Paulo, 06 de outubro de 2011.

 

 

Prezado Professor,

 

 

O teor de sua correspondência enviada ao Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo é absolutamente estimulante para a continuidade do regramento ideológico que estrutura o que convencionamos chamar “capitalismo humanista”.

 

Concordo plenamente com a afirmação no sentido de que os universitários e juristas da Europa (da França em particular) e do Brasil, são os únicos que podem fazer frente à China, aos Estados Unidos e ao sistema financeiro anglo-saxão. O objetivo dos juristas formados, no pensamento da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo caminha neste diapasão.

 

Quero dizer que sua presença no evento, que envolveu a jurisdição e a Universidade Católica, qualificou as idéias que expressamos. Concordo com o prezado Professor que a cooperação deve ter seguimento e, de nossa parte, prosseguiremos neste contato inaugurado pelo Eminente Professor.

 

Renovo meu apreço ao agradecer a presença do caro colega na expectativa da continuidade deste intercâmbio ideológico.

 

Atenciosamente,

 

 

NELSON NAZAR

 

Professor da PUC-SP e Presidente do TRT-SP

 

 

Ilmo. Sr.

 

Professor Henri TEMPLE

 

Diretor da Faculte de Droit de Montpellier